Buscar
  • Liége Biasotto

Crianças do projeto Ouviravida lançam clipe de final de ano

Para substituir a apresentação de final de ano, alunos e professores do projeto Ouviravida lançam um vídeo musical no YouTube


O mês de dezembro é emblemático para as crianças do projeto social Ouviravida – Educação Musical Popular. É neste mês que, todos os anos, os estudantes sobem ao palco e mostram para a comunidade o resultado do ano inteiro de aprendizado na música. Desta vez, em função da pandemia, a apresentação será virtual. As crianças e professores do projeto gravaram individualmente vozes e instrumentos, que foram editados em um clipe mosaico. A performance já pode ser conferida no canal do YouTube do projeto e também nas redes sociais – Facebook e Instagram.


O objetivo é valorizar os aprendizados dos alunos e alunas e compartilhar com os amigos, familiares e apoiadores do projeto, tudo de forma segura e seguindo todos os protocolos de segurança sanitária exigidos pelo momento pandêmico.


A música escolhida para simbolizar o fechamento do ano foi “Maior”, de Dani Black - que faz uma participação especial no clipe. “Escolhemos essa música porque ela propõe uma reflexão sobre o constante processo de mudanças que passamos a cada dia de nossas vidas e, nesse momento de aquisição de novos hábitos e novos modos de relações sociais, cantar ‘eu sou melhor do que eu era ontem’ ou ‘as cores mudam, as mudas crescem’, nos enche de esperança para vinda de dias melhores”, comenda Nise Franklin, coordenadora pedagógica do Ouviravida.


Os professores e coordenadores elaboraram o arranjo e gravaram as bases em estúdio (individualmente) e em casa. Os ensaios foram realizados desde o mês de outubro, durante as aulas virtuais. E os alunos receberam os instrumentos do projeto para que pudessem ensaiar em casa. O clipe conta com a participação dos músicos e professores do projeto Daiana Fülber (teclado e voz), Isac Costa Soares (flautas e trompete), Lucas Kinoshita: (bateria, percussão corporal e voz), Nise Franklin (baixo e voz), Angelo Primon (violão e voz), Matheus Kléber (acordeon) e Tiago Flores (regência).






SOBRE O OUVIRAVIDA


O Ouviravida oferece aulas gratuitas para cerca de 200 crianças da Vila Pinto, no Bairro Bom Jesus, em Porto Alegre. O objetivo é promover a educação musical popular e trabalhar a autoestima de jovens em situação de vulnerabilidade social. Idealizado pelo maestro Tiago Flores, Ouviravida surgiu em 1999 e esteve ativo até 2007 – quando, por falta de apoio, teve de encerrar suas atividades. A retomada só foi possível dez anos depois, em 2017. Hoje, o projeto conta com cerca de 200 matriculados nas aulas, que ocorrem no Centro São José e Perpétuo Socorro – entidades beneficentes que atendem crianças e jovens no turno inverso ao da escola. Em 2020, em função da pandemia, as aulas ocorreram virtualmente pelo Whatsapp.


O Projeto Ouviravida – Educação Musical Popular é viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura. Conta com patrocínio máster de Dufrio e patrocínio da Thyssenkrupp, Docile e Alibem. O financiamento é do Pró-Cultura RS - Governo do Estado do Rio Grande do Sul. E a realização é da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal - Pátria Amada Brasil.


2 visualizações0 comentário